Areias ao Vento
Sobretudo sobre o nada da existência arte,filosofia,e ciência; sobre tudo e sobre nada:do oculto e da sapiência

Mário Quintana

Marcadores:
“Um bom poema é aquele que nos dá a impressão de que está lendo a gente... E não a gente a ele!”

e

“Amigos,
não consultem os relógios quando, um dia,
eu me for de vossas vidas...
Porque o tempo é uma invenção da morte:
não o conhece a vida -a verdadeira-
em que basta um momento de poesia
para nos dar a eternidade inteira.”

Mário Quintana
30.07.1906 - 05.05.1994


0 comentários:

Followers