Areias ao Vento
Sobretudo sobre o nada da existência arte,filosofia,e ciência; sobre tudo e sobre nada:do oculto e da sapiência
Aos meus amigos e amigas que deixam as suas palavras como areias ao vento neste blog, especialmente BY:

É para vocês que eu lanço estas palavras como iscas para os seus corações e mentes e fico muito feliz que alguns sejam fisgados. Venham a mim, órfãos da literatura falida, literatos solitários, diletantes hesitantes, poetas frustrados, jornalistas desempregados, estudantes fatigados, humanistas desilidudos, românticos platônicos... venham a mim!

juntos lançaremos bolinhas de sabão sobre a superfície calma de um lago de solidão, e cada uma dessas bolhas que estourar causará uma perturbaçao, ínfima que seja, que se espalharár em ondulações concêntricas por todo o lago. E eis que as águas serão doces..

Beijos a todos!
0 comentários:

Followers